MEO SUDOESTE

Guia

Campismo do Festival

Campismo do Festival

Com o passe de 5 dias, tens campismo gratuito no Festival, a partir do dia 29 de julho, até às 20h00 do dia 6 de agosto.

Para os portadores de passe para todos os dias do Festival, o campismo e o estacionamento serão gratuitos já a partir de dia 29 de julho, estando todas as infra-estruturas necessárias em funcionamento (chuveiros, casas de banho, multibanco, posto de primeiros socorros, zonas de alimentação, nadadores salvadores no canal, zona para lavagem de loiça, segurança e iluminação, assistência médica permanente, etc).

Para além do campismo habitual do festival, podes ainda aceder a opções alternativas de campismo com outras ofertas. Toda a informação AQUI

Em 2017, o espaço de campismo foi ampliado e reorganizado, garantindo uma maior capacidade de acolhimento de todos os campistas da Tribo MSW com qualidade e conforto, com novas áreas de estar e novas atividades.

Com os concertos no recinto a terminarem no sábado, 5 de agosto, os campistas poderão sair ao longo de domingo 6 de agosto até às 20h00, tranquilamente e com todos os serviços em funcionamento, tal como nos restante dias, tais como segurança, alimentação, WCs e chuveiros, posto médico, etc.

regras camping

Todas as regras e tudo o que os festivaleiros devem saber:

NÃO É PERMITIDA A ENTRADA DE: Vidro (garrafas, embalagens de comida, etc);
Fogareiros que não do tipo Camping Gaz;
Armas ou objetos que possam servir como arma;
Animais domésticos.
É PERMITIDA A ENTRADA DE: Comida (desde que não esteja em embalagens de vidro);
Camping Gaz ou equipamentos equivalentes*;
Cadeiras e/ou mesas;
* A utilização de Camping Gaz ou equipamentos equivalentes deverá ser feita junto às estradas do campismo, de modo a garantir a segurança de todos, ou na área reservada para o efeito.

car camping

O Car Camping permite aos festivaleiros estacionarem a caravana ou o carro junto à sua tenda para maior comodidade e conforto, com WCs e ponto de energia e de água comuns. O passe Car Camping é vendido separadamente do passe de acesso de cada pessoa ao festival. Ou seja, cada pessoa deverá ter o seu passe de 5 dias e quem quiser usufruir do Car Camping terá que adquirir o passe correspondente no valor de €40.

regras car camping

(1) Os lugares de Car Camping têm cada um 8x4 metros. Os campistas poderão ter a sua caravana ou o seu carro + tantas tendas quantas caibam nesse espaço (desde que respeitem as regras do Camping).

(2) Poderão acampar um máximo de 5 pessoas (que usarão uma pulseira car camping pessoal e intransmissível) por cada lugar de Car Camping. Estas pessoas terão uma pulseira própria de acesso ao Car Camping, que será colocada aquando da entrada.

(3) Por razões de segurança, nomeadamente risco de incêndio, a zona de Car Camping não é arborizada, pelo que não tem sombra.

(4) O horário de chegada para entrada na área de Car Camping será de 29 de julho a 6 de agosto, das 10h00 às 24h00.

(5) Para entrar com o carro no Car Camping os campistas terão que ter adquirido o respetivo passe, que custará €40. Todos os elementos do grupo a acampar nesta área (máximo 5) terão que ter adquirido também um passe para os 5 dias do festival.

(6) A(s) tenda(s) têm que ser montada(s) junto ao carro, podendo depois circular livremente dentro do espaço de campismo.

(7) Por razões de segurança, não é permitida a saída e reentrada de caravanas ou carros nesta área. A partir do momento de entrada nesta área do campismo, a caravana ou o carro fica imóvel nesse lugar até ao final do festival. No entanto, se o campista precisar de sair mais cedo, deverá informar a equipa de Staff, de modo a que possam ajudá-lo a sair de forma segura. A caravana ou o carro não poderá voltar a entrar na área de Car Camping a partir do momento que saia de lá.

(8) Por razões de segurança, todas as caravanas e todos os carros para o Car Camping serão verificados à chegada antes de entrarem. Todos os itens não autorizados no campismo serão retidos para que os veículos possam entrar. Aplicam-se as mesmas restrições do restante campismo.

(9) Após a verificação dos veículos, será entregue um dístico que terá o nome, contato no festival e matrícula da caravana ou carro do possuidor do passe de Car Camping. Este dístico terá que estar colocado em local visível no veículo sempre e até ao final do festival.

(10) Se um grupo de pessoas vai ficar a acampar no festival com mais do que uma caravana ou carro, terão que chegar e entrar todos juntos, de forma a estacionarem e acamparem em lugares contíguos. Quem chegar mais tarde pode estacionar no próximo lugar de Car Camping que estiver livre e instalar-se lá. Cabe aos possuidores do passe de Car Camping e ao respetivo grupo coordenarem-se entre eles de forma a ficarem em lugares juntos, se assim o pretenderem.

(11) Apenas é autorizado um carro ou caravana por cada lugar de Car Camping.

(12) O número de lugares do Car Camping é limitado, pelo que se recomenda a compra rápida de modo a garantir lugar nesta área do campismo do festival.

car camping diário

A partir deste ano, os portadores de bilhete diário podem também adquirir Car Camping para estadia de 1 noite no Festival em zona própria. O Car Camping permite aos festivaleiros estacionarem a caravana ou o carro junto à sua tenda para maior comodidade e conforto, com WCs e pontos de energia e água comuns. O passe Car Camping é vendido separadamente do bilhete de acesso de cada pessoa ao festival. Ou seja, cada pessoa deverá ter o seu bilhete diário e quem quiser usufruir do Car Camping Diário terá que o adquirir pelo preço de €30.

(1) Cada lugar de Car Camping tem 8 x 4 metros. Os campistas poderão ter no seu carro, até 5 pessoas e quantas tendas caibam nesse espaço (desde que respeitem as regras do Camping).

(2) Por razões de segurança, nomeadamente risco de incêndio, a zona de Car Camping não é arborizada, pelo que não tem sombra.

(3) O horário de chegada para entrada na área de Car Camping Diário será:

  • Dia 2  - Check in a partir das 12h – check out Dia 3 até as 11h
  • Dia 3 - Check in a partir das 12h– check out Dia 4 até as 11h
  • Dia 4 - Check in a partir das 12h– check out Dia 5 até as 11h
  • Dia 5 - Check in a partir das 12h– check out Dia 6 até as 11h

(4) Para entrar com o carro no Car Camping Diário os campistas terão que ter adquirido o respectivo bilhete de car camping, que custará €30. Todos os elementos do grupo a utilizar esta área terão que ter adquirido também o respetivo bilhete para o dia do Festival.

(5) Na bilheteira do festival será entregue um dístico que terá o nome, contato no festival e matrícula do carro do possuidor do passe de Car Camping, e posteriormente será feita a vistoria ao veículo. Este dístico terá que estar colocado em local visível no carro sempre e até ao final do festival.

(6) A(s) tenda(s) têm que ser montada(s) junto ao carro, podendo depois circular-se livremente dentro do espaço do Car Camping Diário.

(7) Por razões de segurança, não é permitida a saída e reentrada de carros nesta área. A partir do momento de entrada nesta área do Car Camping Diário, o carro fica imóvel até o check out. No entanto, se o campista precisar de sair mais cedo, deverá informar a equipa de Staff, de modo a que possam ajudá-lo a sair de forma segura. O carro não poderá voltar a entrar na área de Car Camping a partir do momento que saia de lá.

(8) Por razões de segurança, todos os carros para o Car Camping Diário serão verificados à chegada antes de entrarem. Todos os itens não autorizados no Campismo serão retidos para que os veículos possam entrar. Aplicam-se as mesmas restrições que as restantes modalidades de Campismo.

(9) Se um grupo vai ficar a acampar no festival com mais do que um carro, terão que chegar e entrar todos juntos de forma a estacionarem e acamparem em lugares contíguos. Quem chegar mais tarde pode estacionar no próximo lugar de Car Camping que estiver livre e instalar-se lá. Cabe aos possuidores do passe de Car Camping Diário e ao respetivo grupo coordenarem-se entre eles de forma a ficarem em lugares juntos, se assim o pretenderem.

(10) Apenas é autorizado um carro por cada lugar de Car Camping Diário.

(11) O número de lugares do Car Camping Diário é limitado, pelo que se recomenda a compra rápida de modo a garantir lugar nesta área do campismo do festival.

Continente Online com entrega no campismo

“Não carregues, manda vir!”
Não precisas de vir com a mochila carregada para o MEO Sudoeste! O Continente Online entrega-te as compras lá!
Uma das grandes vantagens do novo serviço de supermercado introduzido na edição de 2016 e que se manterá em 2017, funcionando exclusivamente online, é que todos podem fazer as suas encomendas online antes de sair de casa, e recolhê-las na chegada ao Campismo, escusando de viajar carregados para o Festival. Para além disso, todos os dias poderão ser feitas encomendas que serão entregues com o maior conforto no recinto do Festival. Este é o serviço de supermercado mais fácil e ainda mais cómodo:

  • As encomendas são levantadas no stand do Continente Online no campismo do Festival nos seguintes slots de entrega: 09h-13h; 13h-17h; 17h-20h
  • As encomendas poderão ser feitas através da App Continente, a partir dos smartphones dos clientes ou através de tablets disponíveis no stand do Continente Online no campismo do Festival

Em 2017, será ainda possível adquirir o passe para o MEO Sudoeste ao mesmo tempo que se efectua a encomenda, utilizando para isso o Cartão Continente.

Durante o Festival, todo o apoio é dado pela equipa do Continente Online que estará sediada no Campismo do MEO Sudoeste, onde encontrarás ainda um simpático lounge onde poderás carregar o teu telemóvel.

Cozinha Comunitária Teka

No espaço de campismo, lugar ideal para a partilha, num espírito solidário e de comunidade haverá uma Cozinha Comunitária, resultante da parceria com a marca TEKA, preparada com micro ondas, placas vitro cerâmicas e espaço de lava louças, com segurança e limpeza, bem como assistência técnica especializada.

Lavandaria LG Cool Spot

Em parceria com a LG, desde há 2 edições que os campistas do MSW podem contar com a lavandaria LG Cool Spot, onde estarão disponíveis máquinas de lavar e secar roupa para os festivaleiros.

Chuveiros AXE

OJá uma tradição incontornável, os momentos AXE marcam presença, tornando os momentos dos banhos um dos pontos altos dos 9 dias de campismo grátis para os portadores de passe.

canal

O Canal da Herdade da Casa Branca poderá ser utilizado para banhos, vigiado como sempre por nadadores-salvadores certificados e melhorado com a pavimentação das duas margens, para melhorar o conforto dos festivaleiros.

NOVIDADE – PATiO Somersby:

É no campismo, no Canal e junto à ruína, que Somersby refrescará a Tribo, num espaço do outro mundo, e na companhia de milhares de PATOS... Quem se juntar poderá escolher entre a diversão do Canal com a melhor música e animação a cargo do DJ Nuno K, ou poderá optar por relaxar no PATiO Somersby, onde, entre vários desafios, poderá saborear uma Somersby gelada. Para isso, basta encontrar um PATO Somerbsy e fazer parte da Tribo do PATO!...

NOVIDADE – palco Vila Santa Casa

Se no ano passado a dança foi a novidade, com o novo Palco EDP, nesta edição o Festival abre portas às artes performativas e às artes plásticas.

Depois de várias edições apostando nos novos talentos da Música nacional, a Santa Casa aposta agora na inclusão de novas áreas de expressão artística, trazendo para o MEO Sudoeste as artes performativas e o estímulo à ligação criativa com o ambiente natural da Costa Vicentina.

Mas a inclusão não passa apenas por outras artes para além da música. Na Vila Santa Casa todos têm lugar, e tanto a comunidade local como os festivaleiros serão chamados a participar e a dar o seu contributo.

A programação passará por três vertentes: Performances, Oficinas e Instalações.

OFICINAS

Curadoria canal 180

DIOGO AGUIAR STUDIO

Diogo Aguiar Studio é uma entidade multidisciplinar que trabalha os limites da arte e da arquitetura. A parte experimental é focada na conceção de edifícios de pequena escala e intervenções efémeras, oscilando alternadamente entre o contexto privado e o público. Fundada em 2016 e com sede no Porto, o estúdio, que conta com uma equipa internacional e várias parcerias colaborativas, procura despertar emoções em todos os projetos a que está dedicado.

ORQUESTRA DE PAU E CORDAS

Paus, cordas, latas, bidões e umas notas musicais serão o mote para a formação de uma orquestra com o público do MEO Sudoeste e um grupo de Cante Alentejano. A Orquestra Comunitária é um projecto único que começou pela mão de dois músicos, Pedro Santos e André Nunes. Sem limite de idade para os participantes, desde veteranos a novatos, todos terão a oportunidade de fazer parte desta orquestra da Tribo MEO Sudoeste.

SAMINA

Arquiteto, artista em diversas áreas, desde jovem que João Samina está em contacto com o mundo das artes, principalmente desenho e pintura. Quando tinha 14 anos, começou a espalhar autocolantes pelas ruas, e discretamente estreou-se no mundo da street art. Durante vários anos, acompanhou o crescimento do movimento, e evoluiu como um artista autodidata. É nesta altura que ele descobre a arte do stencil e em 2010 sentiu-se capaz o suficiente de produzir trabalhos maiores e mais consistentes. Desde aí que SAMINA está em constante procura para novas experiências a cada trabalho que faz, criando uma linguagem própria, usando técnicas de stencil com outros elementos de arte das suas raízes em street art, design gráfico, pintura e arquitectura.

Gonçalo Condeixa

Faz agora vinte anos que a população do Concelho de Odemira viu pela primeira vez as tribos descerem ao Sudoeste até aos nossos prados, praias, e vilas. Hoje já ninguém estranha, pelo contrário é com expectativa que se aguarda o convívio entre as diferentes tribos.” Gonçalo Condeixa, artista plástico bastante ecléctico, tem-se dividido entre a pintura, escultura, ilustração e instalação. O artista residente em Odemira propõem-se a criar uma instalação no recinto do Festival MEO Sudoeste, em conjunto com os alunos de artes da Escola Secundária de Odemira, Associação de Paralisia Cerebral de Odemira e público do Festival, criando ligações entre tribos, entre comunidades.

PERFORMANCES

Curadoria Mónica Talina

E-NXADA

Co criação: Erva Daninha, Binaural/Nodar
Direção artística e conceção plástica: Vasco Gomes e Julieta Guimarães
Interpretação: Jorge Lix, Rodrigo Matos e Vasco Gomes
Iluminação: Romeu Guimarães
Composição sonora: Luís Costa

Espetáculo de circo contemporâneo que remete para a ruralidade, a sua desconstrução e imaginário sob um ponto de vista urbano e contemporâneo. Investigação artística através da relação do corpo e do objecto em cruzamento com a instalação plástica, composição sonora e iluminação.

COCK

Criação: Teatro do Vão Encenação e direção plástica: Daniel Gorjão Interpretação: João Cachola, Luís Garcia, Maria Jorge e Simão Rubim Tradução: Marco Mendonça Desenho de luz e direcção técnica: Sara Garrinhas

Demora um tempo até perceber – e na verdade ao perceber é porque o amor já passou e sobreviveu. O amor mata o ego, e então a gente deixa de ser gente para ser. E é pelo amor – combustível corrosivo, destrutivo, voraz, tão doce e letal. E é pelo amor: as guerras, as fugas, connosco e para dentro e para fora de nós: o desejo de estar. E é pelo desejo, que é tão grande e ao mesmo tempo cabe num beijo, que a vida se faz pequena, ridícula, transitória. Vamos voltar à frente: Cock.

Curadoria canal 180 - Orquestra de Paus e Cordas

O último dia de Festival terá direito a uma performance espeacial!...

Os Açordas

Formaram-se em 2014, pela mão do músico Marco Vieira, professor e fundador da Escola de Música Tradicional de Odemira. Ele próprio músico que atuou numa das primeiras edições do Festival, acabaria por se apaixonar pela Costa Vicentina e acabaria por fazer dela a sua casa. Este grupo nasce na primeira turma dos alunos da Freguesia de S. Teotónio que, após terminarem uma noite de Janeiras, a comer uma Açorda, decidiram dar este mesmo nome ao seu grupo – Os Açordas. Desde então têm animado as festas e festivais do norte a sul de Portugal, levando consigo o Sudoeste Alentejano nas “Modas” que cantam e tocam, nas violas campaniças, nos cavaquinhos e na viola baixo. Os Açordas criam uma grande empatia com o público, através da interação que estabelecem, recriando os Bailes “à moda antiga”, com valsas e danças de roda.

INSTALAÇÕES

Colocadas no recinto, serão o resultado do trabalho conjunto com os festivaleiros nos dias até à sua abertura.

Curadoria canal 180  - Diogo Aguiar Studio

Gonçalo Condeixa

Palco Super Bock

Como vem já sendo hábito, o MEO Sudoeste dá música na Herdade da Casa Branca desde a abertura do Campismo. Logo a partir do dia 29 de julho, data de abertura do campismo, a animação está garantida graças ao Palco Super Bock, que este ano sofre uma total remodelação e ampliação, bem como um novíssimo decor, tornando este espaço de programação um dos mais especiais do Festival.


Programação Palco Super Bock (campismo):

Dia 29
KRASH (Henri Josh & Katorz)
Gin Party Soundsystem

Dia 30
Half Meter
Afro Brothers

Dia 31
Noite MEO Music com Paulo Jorge
DJ Kalash

Dia 1 - Noite de Receção ao Campista by Mega Hits:
Overule
DJ Ride
Warm-up Mega Hits

naming sponsor

promotor

sponsors

parceiros

parceiro tecnológico

parceiro de mobilidade

media partners

bilheteira oficial

International media partners